• Home
  • >
  • Blog
  • >
  • É obrigatório! Mudar, Inovar e Capacitar

É obrigatório! Mudar, Inovar e Capacitar

Gastronomia ganha espaço exclusivo na ACIMM

O setor da gastronomia ganhou um espaço importante na sede da Associação Comercial e Industrial de Mogi Mirim (ACIMM). Desde o começo do ano, um espaço destinado à realização de cursos está sendo construído, levando-se em consideração a capacitação de pessoal no setor.

A ideia nasceu da necessidade deste segmento, já que muitos proprietários de estabelecimentos reclamam da falta de mão de obra qualificada na área gastronômica. As dependências da ACIMM são dotadas de muitas salas, porém, não havia nenhum local para a realização de aulas práticas para a confecção de pratos e drinks.

“No ano passado realizamos alguns eventos do setor, mas nos demos conta de que a gastronomia não possuía um espaço ideal e, por isso, acabamos brindando todos os bares e restaurantes com este ambiente. Lá será possível realizar aulas práticas e capacitar profissionais que querem se aprimorar ou mesmo ingressar no mercado da gastronomia”, disse José Luiz Ferreira, presidente da ACIMM.

A estrutura oferecida pela entidade aos associados possui uma cozinha com bancada para a realização de aulas práticas, sanitários, além de uma sala de apoio. As aulas teóricas poderão ser realizadas nas salas já existentes na ACIMM. Para Ferreira, esta é uma conquista importante para o setor da gastronomia e uma oportunidade de fortalecer o segmento.

A ideia, além dos cursos presenciais, será de proporcionar algumas formações online, uma vez que já se estuda a instalação de câmeras para a transmissão das aulas. Todos os detalhes estão sendo estudados para possibilitar aos profissionais comodidade e eficiência na qualificação.

Compartilhe esta publicação

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Inscreva-se em nossa newsleter

e receba por e-mail conteúdos sobre empreendedorismo

Veja também

Dívida caduca?

Caduca após 5 anos. Mas, isso não significa que você não precisa mais pagar ela. Os órgãos de proteção ao crédito não podem exibir a

Veja mais